Em Tel Aviv, secretário de Estado dos EUA e premiê de Israel são levados a bunker por risco de ataque

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Antony Blinken, e o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, foram levados a um bunker nesta segunda-feira (16) por risco de ataque.

Os dois estavam em reunião em Tel Aviv quando sirenes de alerta de ataques soaram.

Segundo o porta-voz do governo dos EUA, Blinken e Netanyahu ficaram apenas por cinco minutos em um abrigo e, depois desse tempo, autoridades constataram se tratar de um alarme falso, e as sirenes foram desativadas. Ambos passam bem, segundo o porta-voz.

As sirenes de Tel Aviv vêm sendo acionadas diariamente desde o início da guerra entre Israel e Hamas, há dez dias, mas, até agora, a cidade tem sido poupada de ataques.

O grupo terrorista já afirmou ter lançado foguetes contra o aeroporto de Tel Aviv. Israel nega.

G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário