Governo deve tanto que pega o dinheiro do investimento para financiar dívida’, diz presidente do Banco Central


O presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, reforçou que o Brasil tem um problema fiscal estrutural. “Eu estava conversando com o senador [Wellington Fagundes (PL-MT)] sobre a importância de aprovar os projetos [fiscais] no Congresso”, disse em evento da Fenabrave, em Cuiabá (MT). O parlamentar, que estava no evento, integra a oposição ao governo no Senado.

“O investimento tem que subir. O Brasil tem investimento baixo e parte disso é porque o governo deve tanto que pega o dinheiro do investimento para financiar dívida. O bolo de liquidez é um só”, acrescentou. Segundo ele, o Brasil tem “uma grande oportunidade” na área de investimentos verdes, que “agora está sendo mais explorada”.

“O Brasil tem grande capacidade de produzir energia sustentável. Esse cartão de entrada [sustentabilidade] deveria trazer bastante investimento”, disse. “Outro tema que precisa melhorar é segurança jurídica”, pontuou.

Campos terminou sua fala enfatizando que o Brasil “tem enormes oportunidades”. “Eu venho de uma família que a maioria dos meus irmãos até mora em outro país e eu sempre quis ficar no Brasil”, concluiu.

Valor Econômico

Nenhum comentário:

Postar um comentário