O caminho de Fátima Bezerra é o Senado

Para Walter Alves, a renúncia de Fátima Bezerra se apresenta como a opção mais cômoda. Ao assumir o cargo de governador, ele solidifica sua posição como potencial candidato ao governo, com o respaldo da própria Fátima, que naturalmente seria a candidata ao Senado.

Nesse cenário, Walter teria grande chances de eleição, com o apoio não só de Fátima, mas também do presidente Lula. Enquanto isso, Fátima seria recompensada com um mandato de oito anos no Senado.

Aos quase 70 anos, essa seria a oportunidade que todo político vencedor almeja: chegar ao Senado e encerrar a vida pública. E Fátima não deixaria essa chance escapar.

Fonte:Blog do Arafran.

Nenhum comentário:

Postar um comentário