Câmara aprova criação da bancada de deputados negros

Foto: Adriano Machado

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (1º) o projeto que cria a Bancada Negra na Casa. A criação do grupo foi negociada entre os parlamentares como forma de dar mais atenção às pautas com temática racial que tramitam no Congresso.

A proposta determina que a bancada contará com representação no colégio de líderes. Ou seja, terá poder de voto nas reuniões em que as lideranças dos partidos decidem o que será pautado na Casa.

Pelas regras, o grupo terá tempo de fala durante as sessões em plenário. A bancada deve contar com um coordenador-geral e três vices-coordenadores.

Por se tratar de um projeto de resolução, o texto não precisa passar por votação no Senado Federal e agora precisa ser promulgado pelo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL).

A aprovação ocorre após o movimento de partidos para tentar aprovar a PEC da Anistia que, entre outras alterações, previa o perdão às legendas pelo descumprimento da cota racial durante as eleições.

Por falta de acordo, a medida segue com a análise travada na Câmara.

De acordo com o relator do projeto, deputado Antonio Brito (PSD-BA), cerca de 120 parlamentares que se identificam como pretos ou pardos no Congresso Nacional.

A expectativa é que, assim que tiver o funcionamento oficializado no regimento, a bancada defina uma lista com projetos prioritários que vem ser defendidos ao longo dos próximos meses.

CNN Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário