A pedido de Lula, Dino seguirá no cargo até sabatina para STF, mas sem agenda pública

Indicado pelo presidente Lula (PT) à vaga de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Flávio Dino seguirá como ministro da Justiça e Segurança Pública até ser sabatinado no Senado, em 13 de dezembro.

A permanência é um pedido do presidente da República, a quem compete nomear ou exonerar ministros.

Nesta terça, 28, a agenda oficial do ministro está sem compromissos públicos e deverá permanecer assim até ele deixar o cargo. Segundo informou a pasta à coluna, a sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), Dino seguirá com despachos internos.

Toda a agenda do ministro, cujos horários são disputados entre outras autoridades, representantes de entidades, jornalistas, associações e órgãos públicos, foi derrubada.

0 Comments:

Postar um comentário

Curta Nossa Página

Posts Recentes

Marcadores

PREVISÃO DO TEMPO

VSFM 104,9-Voz Serrinhense