Bolsonaro fica em silêncio em depoimento à PF, diz defesa

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

A defesa do ex-presidente Jair Bolsonaro disse que ele ficou em silêncio no depoimento à Polícia Federal (PF) nesta quinta-feira. O depoimento durou cerca de 15 minutos.

— O presidente já saiu, fez o uso do silêncio conforme a defesa antecipou — disse o advogado Paulo Cunha, alegando que a defesa não teve acesso a todos os elementos da investigação como o acesso à delação do tenente-coronel do Exército Mauro Cid.

Bolsonaro foi à sede da Polícia Federal para prestar depoimento no âmbito de uma investigação sobre uma suposta tentativa de golpe de Estado. Além de Bolsonaro, outras 22 pessoas, incluindo ex-ministros e militares, foram intimadas a prestarem depoimento hoje. Bolsonaro chegou às 14h19 na sede da corporação.

O aadvogado Paulo Cunha afirmou que o ex-presidente não cometeu nenhum delito e disse ainda que Bolsonaro “não teme nada porque não fez nada”. E acrescentou que ele nunca foi “simpático” a movimentos golpistas.

— O presidente bolsonaro nunca foi simpático a qualquer tipo de movimento golpista — afirmou.

O Globo

0 Comments:

Postar um comentário

Curta Nossa Página

Posts Recentes

Marcadores

PREVISÃO DO TEMPO

VSFM 104,9-Voz Serrinhense