André Ventura admite impedir entrada de Lula da Silva em Portugal no 25 de abril

Num comício em Olhão, na quarta-feira, André Ventura deixou aos seus eleitores mais uma promessa eleitoral. Se o Chega vencer as eleições legislativas, Lula da Silva, Presidente do Brasil,”não vai entrar em Portugal” no dia 25 de abril, garantiu o líder do partido.

André Ventura acrescentou ainda que Pedro Sánchez, chefe do Executivo espanhol, “só entrará quando necessário porque também não queremos que entre muitas vezes”.

“Neste país ainda mandamos nós e neste país ainda escolhemos nós quem vem e quem não vem. Corruptos já temos cá muitos não precisamos que venham mais de fora”, assinalou.

“Ficará no aeroporto”
O líder do Chega aconselhou “prudência na compra das viagens” e vincou que “eles não vão entrar mesmo”. “Se for primeiro-ministro, o senhor Lula da Silva ficará no aeroporto”, disse antes de afirmar que “se insistir, vai para uma cadeia”.

Para já, não está confirmada a presença de Lula da Silva nas cerimónias dos 50 anos do 25 de Abril. O que está previsto é que sejam convidados os chefes de Estado dos países africanos de expressão portuguesa.

Nesse dia, no ano passado, o Presidente sul-americano esteve em Portugal e chegou mesmo a discursar na Assembleia da República.

SIC Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário