STJ decide que prisão de Robinho deverá ser cumprida de imediato



O STJ (Superior Tribunal de Justiça) decidiu nesta 4ª feira (20.mar.2024) pelo cumprimento imediato, em regime fechado, da pena de prisão do ex-jogador de futebol Robson de Souza, mais conhecido como Robinho.

A Corte formou maioria a favor do cumprimento da sentença do ex-atleta no Brasil. O advogado da defesa, José Eduardo de Alckmin, disse que entrará com recurso.

“É uma decisão da qual se deve recorrer e assim faremos […] Um 1º passo é, provavelmente, [por meio de] embargos de declaração. Vamos ver agora o teor do acórdão”, afirmou Alckmin. O advogado disse que também pode fazer um recurso extraordinário ao STF (Supremo Tribunal Federal), caso necessário.

A defesa também encaminhará um pedido de habeas corpus ao Supremo. Para tanto, são necessários documentos do julgamento que ainda não estão em posse do advogado. Alckmin diz que não sabe em quanto tempo ele receberá tais documentos. “Se me fornecerem rápido, será rápido”, disse sobre o encaminhamento do pedido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário